25 de maio de 2016

Sonhar...


Quero olhar para o céu, imaginar, sonhar e criar e escrever tudo em uma simples folha de papel. Recriar paisagens, sentir o cheiro das folhagens, o frio do orvalho, a chuva e o vento e deixar tudo voar em meu pensamento. Quero sentir a vida dos meus sonhos de papel correrem por minhas vida, como um momento divino que a imaginação imita a realidade e que a realidade se transforme em sonhos de verdade. 

(Adriana Silva -  Sonhos de Jaqueline)

17 de maio de 2016

Sonho de Nuvem...


Deitei-me sobre a nuvem e adormeci. Por um breve descuido quase de lá cai.
Sentada sobre a maciez branca servia-me gotas de café um mordomo. Não sei de onde ele saiu, mas parecia um mágico que abasteceu-me para continuar os meus sonhos. Acordei em terra firme, com a chuva caindo lá fora, e com uma vontade enorme de dormir e sonhar com as nuvens de novo.

(Adriana Silva)

10 de maio de 2016

A menina dos olhos grandes


A menina dos olhos grandes
Grandes olhos tinha a menina
Brilhava como a luz do céu
Outrora luz de purpurina.

Quem sabe lantejoulas em forma de flores
Flores divertidas de todas as cores
Só sabe ver tudo de mais bonito
Na simplicidade do seus olhar infinito.

(Adriana Silva)

Janela de sonhos...


Olhei da janela,
As nuvens dos meus sonhos
Onde eu poderia flutuar
Caminhar
E quem sabe um dia
Morar.

(Adriana Silva)