11 de outubro de 2017

Não se iluda...



Não se iluda com todos os sorrisos. 
Nem com aquilo que engana sua intuição.
Sinta, mas com pés no chão.
A gente se engana não? 
Mas disso, a gente não morre não.
A gente não perde, a gente se livra.
E assim corre a vida.
Aula assistida, lição aprendida.

(Adriana Silva)

2 de outubro de 2017

Coisas que gosto...


Gosto de imagens de corujas acho que está ligada a sabedoria. Essa achei linda, logo identifiquei eu e a minha filha. Gosto de imagens de sapinhos, acho eles sapecas. Gosto de borboletas pois elas são lindas e me lembram transformação, de joaninhas que me lembram infância, de margaridas que me lembram a beleza da simplicidade. 
Depois que a gente se torna mãe, passamos a projetar coisas que fazemos uma conexão com o mundo materno. Dentro de mim, há uma porção de coisas com seus significados ou a sensação e sentimentos. Gosto dessas coisinhas pois em tudo que vejo lembro que sou mãe. E por ser mãe, gosto tanto dessas coisinhas...

(Adriana Silva)

21 de setembro de 2017

Coisa linda - Jaqueline 18 anos

Ser grandiosa


" Nasci em um Mundo grande demais onde eu era apenas um cisco. Hoje, diante de tudo que enfrentei e aqui estou, sou grandiosa diante de tanta pequenez desse Mundo. A minha amplitude é infinita mesmo que contrarie meu corpo aparentemente frágil. Quem não me conhece, quem não sabe da minha história e tudo que passei, não sabe que eu sou tão forte que não me abalo nem por certos olhares que desconhecem o amor. O amor e a fé são as coisas mais poderosas desse mundo! Hoje eu sou grande porque sou feliz, sou feliz porque sou grande! "

(Jaqueline)

10 de setembro de 2017

Transformação


E a borboleta saiu do seu casulo mesmo que fique em colo quente.
Teve várias metamorfoses, e voa em lugar seguro.
Nasceu, quase foi impedida de voar.
Teve as asas cortadas,
mas se regenerou.
Sobreviveu a tantos contratempos
e voa alegre.
Com sua vida desafiadora
porém...
Cheia de amor e encanto...

(Adriana Silva - Em homenagem aos 18 anos da Jaqueline em 11/09/2017)